5 DICAS ESPECIAIS PARA SUA APROVAÇÃO

Dicas imperdíveis do professor Nelson França

PLANO DE ESTUDOS

Como fazer um planejamento de estudos para concursos

A DROGA DOS CONCURSEIROS

Conheça os mitos e verdades sobre a Ritalina

VIDEOAULAS GRÁTIS - ARTIGO 5º CF

Direitos e Deveres Individuais e Coletivos

OS 10 ERROS MAIS COMUNS

Saiba quais são os erros mais cometidos pelos concurseiros

22 agosto 2014

Direitos e Deveres Individuais e Coletivos Art. 5º CRFB/88 - Videoaulas grátis

CRFB - ART 5 - Dir e Deveres Indiv e Coletivos 400x300Um dos assuntos mais cobrados nas provas dos concursos públicos é o Art. 5º da CF. Traremos diversas videoaulas de Direito Constitucional para explicar, item por item, os 84 incisos e seus 4 parágrafos. Assista aqui as primeiras 10 videoaulas. Bons estudos!

Como fazer um planejamento de estudos para concurso

1 - Como fazer planejamento de estudos para concurso 800x600

Muita gente começa a se interessar pelos concursos públicos, mas não tem a menor ideia de como começar. Para quem pretende iniciar um projeto consistente e organizado, o melhor é escolher uma área de concursos para iniciar uma preparação com antecedência, sem estar vinculada à expectativa do edital de um determinado concurso.

 

feed 70x55Saiba tudo sobre concursos públicos:
Siga-nos no TWITTER: 
Curta no FACEBOOK: 

O estudo deve começar pelas disciplinas básicas - aquelas matérias que caem em todos os concursos da área. Assim, o candidato estará se preparando para diversos concursos ao mesmo tempo. Além disso, o conhecimento relacionado às disciplinas básicas muitas vezes é importante para a compreensão de outras disciplinas.

Mas, como quando a gente começa não sabe bem como as coisas funcionam, a maioria dos candidatos entra nesse processo já focado num concurso específico que esteja para sair ou até com edital publicado. É mais fácil perseguir um objetivo mais concreto e imediato. Isso não deixa de ser válido, desde que sejam adotados alguns cuidados.

Apoio na preparação

Sempre que possível, é interessante utilizar a ajuda de um curso preparatório. Isso porque muitas vezes (quase sempre) o candidato precisará estudar disciplinas que nunca viu antes e a orientação do professor facilita a compreensão daqueles conteúdos. Outro aspecto é que os conteúdos são muito extensos e é importante saber quais pontos costumam ser mais cobrados nas provas. O que se observa é que o investimento no curso normalmente acelera o processo e permite que a aprovação seja conquistada em menos tempo.

Há opções de cursos presenciais - no formato tradicional, com sala de aula, professor e aluno – e há também os cursos online, via internet, em que as aulas podem ser assistidas em qualquer horário e durante determinado período de tempo, podendo ser assistidas mais de uma vez.

GRUPO 2 70x55Conheça o MAIOR e MELHOR grupo de estudos da internet (mais de 142.000 membros inscritos): https://www.facebook.com/groups/gabaritofinal/

Para escolher os melhores cursos, o ideal é visitar cada um - no caso dos presenciais – e ver com qual o candidato mais se identifica. Conversar com quem já está estudando há algum tempo também pode ajudar. Os fóruns de discussão sobre concursos na internet são outro recurso útil na tomada de decisão.

Organizar a rotina

Seja a preparação para um concurso que “está na rua” ou uma preparação antecipada, o estudo será mais produtivo se o candidato assumir o controle da sua vida e do seu tempo. Estudar “no tempo que sobra” é pouco eficiente, além de causar bastante angústia, porque a sensação de culpa é permanente: quando se está fazendo outra coisa que não estudar, mesmo que seja algo necessário, e quando se está estudando e há outras tarefas pendentes. O planejamento elimina esse problema.

Propomos, então, que o candidato pegue uma folha de papel (ou faça isso no computador) e ali prepare um calendário do mês que está começando. Vamos fazer o de março/2013.

Veja a nossa tabela a seguir:
tabela 1
Em seguida, anote ali os compromissos fixos já existentes: trabalho, aulas, consultas médicas, etc. Inclua também as tarefas de rotina, como compras de mercado e outras.
tabela 2
O próximo passo é assinalar o tempo que restou, e que será destinado ao estudo.
tabela 3
Agora é possível verificar o tempo realmente disponível para o estudo, marcado no sinal (DISPONÍVEL). Cabe ainda algum ajuste: se tiver sobrado pouco tempo, será que algumas tarefas podem ser reorganizadas? Por exemplo, o mercado pode ser feito em outro horário ou, até, por outra pessoa?

Por outro lado, mesmo que todo o dia esteja disponível para estudo, é preciso começar com pouco tempo e aumentar gradativamente, conforme o candidato sentir que tem condições.

Feito isso, podemos distribuir as disciplinas que serão estudadas. Vale lembrar que é importante reservar intervalos – 15 minutos - a cada hora e meia a duas de estudo e entre os turnos do dia – 1 hora, pelo menos, entre manhã/tarde e tarde/noite. Deixar um dia livre na semana (ou, ao menos, um turno livre) também é essencial para que o candidato possa recarregar as baterias para a semana seguinte.

PALAVRA CERTA 2 - 66x66Português cai em todos os concursos! Aprenda de forma bem humorada com dicas diárias. Curta: PALAVRA CERTA
Acesse AQUI.

Outro cuidado que se deve tomar, sempre que possível, é alternar matérias de exatas, como matemática e afins, com matérias de linguística, como português e direitos. Isso permite que uma área do cérebro descanse enquanto se estuda o outro tipo de disciplina. É interessante também colocar as matérias com as quais se tem menos afinidade nos melhores horários de estudo, deixando os piores horários para as disciplinas mais agradáveis.

Exemplos

Veja a seguir dois exemplos de distribuição de matérias: para concurso de nível médio, cargos administrativos (preparação com antecedência) e a outra com a distribuição para o concurso dos Correios, também de nível médio, que deve sair a qualquer momento. Em ambos os casos, consideramos a situação de quem está sem trabalhar, totalmente dedicado à preparação, e de quem está trabalhando e tem somente a noite para estudar.

Optamos por incluir pelo menos três períodos de atividade física em todas as programações. Não faltam pesquisas mostrando os benefícios da atividade física regular (uma caminhada que seja) para o bom funcionamento do cérebro e para o equilíbrio emocional - condições essenciais para a produtividade do estudo.

Faça os ajustes necessários à sua realidade e perceba a diferença no rendimento quando se sabe quais são os horários de estudo e o que será estudado a cada dia. Em meio à distribuição das disciplinas básicas para concursos de nível médio administrativo (português, direito constitucional, direito administrativo, informática e matemática/raciocínio lógico) é preciso reservar um tempo para praticar atividades físicas e deixar o domingo livre para descanso.

exemplo 1
exemplo 2

Agora veja abaixo um exemplo de plano de estudos para o concurso dos Correios, de nível médio (para os cargos de carteiro e operador de triagem e transbordo haverá teste físico e a preparação também deve ser iniciada antes do edital).

exemplo 3

exemplo 4

Para evitar frustrações, o candidato deve estar ciente de que a aprovação pode levar alguns meses ou até alguns anos, dependendo do tipo e complexidade do concurso. Reprovações também podem acontecer, mas são apenas etapas do processo e indicam que há aspectos a melhorar, seja no conhecimento da teoria, na estratégia de prova ou no equilíbrio emocional. Fazem parte da trajetória até a aprovação.

Fonte: G1 - Coluna Lia Salgado.


EMAIL 70x56Receba DICAS, MATERIAIS, NOTÍCIAS e PROMOÇÕES em apenas um email diário! Basta informar seu email AQUI.

Os 10 erros mais comuns dos candidatos a concursos públicos

2 - Os 10 erros mais comuns dos candidatos a concursos públicos 3

Os 10 erros mais comuns que os concusandos cometem em suas estratégias de preparação, a partir da minha experiência como Personal Coach para concursos. Acredito que a maioria de vocês irá se identificar com um ou mais erros na lista a seguir.

21 agosto 2014

Senado discute fim do Ç, CH e SS na língua portuguesa

1 - Senado discute fim do ç, ch e ss na língua portuguesa 400x300

A Comisão de Educasão, Cultura e Esporte (CE) do Senado está debatendo uma proposta que viza modificar algumas regras da língua portugeza.

É isso mesmo. Se um estudo que tramita no Senado chegar a valer, a primeira frase desta notícia seria escrita desse jeito mesmo. O correto, atualmente, é: "A Comissão de Educação, Cultura e Esporte (CE) do Senado está debatendo uma proposta que visa modificar algumas regras da língua portuguesa".

feed 70x55Saiba tudo sobre concursos públicos:
Siga-nos no TWITTER: 
Curta no FACEBOOK: 

Um Grupo de Trabalho (GT) dentro da Comissão, presidida pelo senador Cyro Miranda (PSDB-GO), tem como objetivo buscar formas para facilitar o aprendizado da ortografia nos países lusófonos -- e propõe uma outra reforma ortográfica.

A proposta, criada pelo professor Ernani Pimentel, é acabar com o uso da letra "h" antes das palavras, do "ç", do "ss", "sc" e "xc" (que seriam substituídos pelo "s" simples), do hífen, do dígrafo "ch" (que seria substituído pelo "x"). Palavras também passariam e ser escritas como o fonema aponta como o "x" e o "s" com som de "z". A letra "u" após o "g" e "q" e antes de "e" e "i" também seria suprimido.

Mudanças ortográficas estudadas no senado

(clique para ampliar)

Pimentel aponta que essas mudanças acarretariam em economia com a educação no país: "Em vez das atuais 400 horas/aula de ortografia ministradas desde o início do fundamental até o fim do ensino médio, sejam utilizadas apenas (ou em torno de) 150", diz.

O professor disse que o convite para integrar o Grupo de Trabalho (que também é liderado pelo professor Pasquale Cipro Neto) surgiu após audiência pública de 2009 em que foram tecidas críticas ao acordo ortográfico que entrou em vigor naquele ano. "Na época escrevi até um livro sobre o assunto. Em 2012, começamos a discutir simplificações da ortografia. Fomos a Portugal e vamos a Angola e Moçambique discutir com professores sobre o assunto".

Pimentel também apontou que há um espaço para sugestões de simplificação do idioma. "No site Simplificando a Ortografia estamos abertos a receber sugestões de mudanças e fizemos um abaixo-assinado de apoio às propostas". Até o momento, o site tem 33 mil propostas.

Ridículas e patéticas

Apesar dos argumentos de quem propõe as mudanças, as medidas têm rejeição por parte de alguns linguistas. O filólogo e professor da UnB (Universidade de Brasília), Marcos Bagno, não economiza críticas ao falar da proposta: "São ridículas, patéticas e merecem todo o desprezo da comunidade de linguistas do Brasil", diz.

PALAVRA CERTA 2 - 66x66Português cai em todos os concursos! Aprenda de forma bem humorada com dicas diárias. Curta: PALAVRA CERTA
Acesse AQUI.

Para Bagno, o argumento de que as novas mudanças facilitariam o aprendizado não é válido. "Aprender a escrever em chinês é muito mais complicado do que aprender a escrever em português, e 94% dos chineses são alfabetizados. A questão é alfabetizar e letrar a população. A ortografia pode ser qualquer uma", aponta.

Pimentel aponta que as críticas à proposta sempre vêm da academia e não de quem ensina para crianças. "Há pessoas que defendem a etimologia na construção da ortografia. Mas há várias regras em que ela é quebrada. Temos que decidir sermos mais práticos. Assim, as crianças podem aprender melhor", responde.

Senado prefere não se posicionar a respeito

Para o final do ano ou início de 2015, ainda estão previstas novas discussões na Comissão para criar a lista de sugestões que simplificariam a língua portuguesa. Depois, será fechado um relatório sobre o assunto.

Apesar de a proposta ser discutida por um GT no Senado, Cyro Miranda apontou que, em nenhum momento, se posicionou favorável a mudanças. "O Grupo de Trabalho vai fazer as propostas e vai propor as regras. Não cabe a mim, que não sou especialista no assunto, opinar a respeito", disse o presidente da CE, por meio de assessoria de imprensa.

GRUPO 2 70x55Conheça o MAIOR e MELHOR grupo de estudos da internet (mais de 142.000 membros inscritos): https://www.facebook.com/groups/gabaritofinal/

Para chegar à vigência, a proposta ainda precisa ser aprovada na Comissão de Educação do Senado, ir a Plenário, passar pela Câmara, receber sanção presidencial e ainda ser aprovado em outros países. Ou seja, mesmo que o projeto fosse uma unanimidade, poderia muitos levar anos para que ele passasse a valer.

Mesmo com as dificuldades, Pimentel ainda acredita que possa ser feita alguma mudança na ortografia. "Eu acho que podemos sim implementar alguma mudança para 2016. Mas mesmo se apenas colocarmos a discussão para o futuro, já ficarei satisfeito. E tenho certeza que, mais cedo ou tarde, teremos que fazer essas mudanças no nosso idioma", endossa.

Fonte: UOL Educação


EMAIL 70x56Receba DICAS, MATERIAIS, NOTÍCIAS e PROMOÇÕES em apenas um email diário! Basta informar seu email AQUI.

20 agosto 2014

Exemplo: Idosa se forma aos 97 anos de idade

1 - Exemplo - Idosa se forma aos 97 anos de idade 593x445Uma moradora de Ipatinga, no Vale do Rio Doce, surpreendeu a todos com sua força de vontade para aprender: aos 97 anos, Chames Salles Rolim finalmente realizou o sonho de se formar em Direito. Ela fez o curso na Fadipa (Faculdade de Direito de Ipatinga) e recebeu o diploma no dia 7 de agosto. Na última quarta-feira (16), Chames visitou o fórum da cidade para cumprir as últimas exigências acadêmicas e acompanhar audiências, além de produzir relatórios.

feed 70x55Saiba tudo sobre concursos públicos:
Siga-nos no TWITTER: 
Curta no FACEBOOK: 

A cerimônia foi no auditório Fiemg, no Centro de Desenvolvimento de Pessoal da Usiminas (CDP). A graduação da idosa de 97 anos está sendo festejada por familiares, amigos e até por desconhecidos, de diferentes Estados brasileiros e também do exterior. Diariamente, a formanda recebe inúmeras mensagens de parabéns.

1 - Exemplo - Idosa se forma aos 97 anos de idade 1200x672

(clique para ampliar)

Dona Chames, como é carinhosamente chamada pelos amigos, não esconde quais são seus planos para depois da conquista do bacharelado: auxiliar a sociedade compartilhando o conhecimento adquirido. "Sei que a minha idade não me dá muito prazo. Por isso, o que eu quero é ser útil a quem me procurar, compartilhar o conhecimento. E se eu não souber responder algo, orientar a pessoa a buscar quem saiba", frisou.

Qual o segredo de tanta lucidez? Chames responde sem titubear: “Não ter raiva de nada nem de ninguém. Não produzo toxinas no meu organismo”. Ela acorda todos os dias às 4h30, faz hidroginástica na piscina de casa e depois toma uma dose de uísque. “Adoro. Até ganhei uma garrafa do meu filho ontem”.

O motorista Milton Siqueira, 51, que trabalha na casa há 40 anos e é chamado de filho, diz que não aguenta o pique de dona Chames. “É uma garota muito esperta. Com ela não tem tempo ruim”.

Perseverança

1 - Exemplo - Idosa se forma aos 97 anos de idadeChames Salles Rolim nasceu em Santa Maria do Itabira e se mudou para Santana do Paraíso aos três anos. Durante a maior parte da vida, trabalhou na farmácia do marido, com quem ficou casada por 63 anos. Atualmente, mora em Ipatinga com um de seus dez filhos.

Fazer um curso superior sempre foi um sonho da nonagenária, mas ela só decidiu entrar para a faculdade após a morte do marido, que era bastante ciumento e não aprovava a ideia. Apaixonada pelo universo de conhecimentos que o Direito lhe abriu, a estudante afirmou que se fosse mais nova, se matricularia no curso outra vez. “No Direito, há sempre muito a aprender. Esses cinco anos foram maravilhosos”, confessou.

A estudante dedicada, que é absolutamente lúcida e ativa, pratica hidroginástica todas as manhãs, tem o hábito de escrever poesias e diz preferir as madrugadas para estudar, por conta do silêncio.

Às 7h30, dona Chames Salles Rolim estava dentro da sala de aula e era uma das primeiras a chegar. E foi assim nos últimos cinco anos até atingir a meta: a colação de grau. No último dia 7, ela recebeu o diploma de bacharel em direito aos 97 anos.

1 - Exemplo - Idosa se forma aos 97 anos de idade 6

(clique para ampliar)

Natural de Ipatinga, no Vale do Aço, dona Chames é a universitária mais velha do país. Conforme o último Censo da Educação Superior, de 2012, somente ela e uma outra senhora, poucos meses mais nova, estavam matriculadas em cursos presenciais nessa faixa etária.

Simpática, sempre sorridente e com uma inteligência de se admirar, dona Chames cativa qualquer um com suas gargalhadas. “Dizem que eu sou a estudante mais velha do mundo, mas me considero apenas mais uma na sala de aula”, conta, satisfeita. Os filhos, os netos e os bisnetos apoiaram a empreitada da matriarca da família na Faculdade de Direito de Ipatinga (Fadipa).

Sobre as pessoas que colocam na idade a justificativa para não mais aprender, ela comenta com a palavra francesa “paresse”, que significa preguiça.

1 - Exemplo - Idosa se forma aos 97 anos de idade 7

(clique para ampliar)

“A gente sempre pode aprender, mesmo que seja a conviver melhor com as pessoas”. Além do conhecimento jurídico, a universitária afirma que levará da graduação as lembranças de cada professor, o carinho recebido e a saudade dos amigos. “Isso ficará pra sempre”, finalizou.

Para quem foi casada 73 anos parece impossível nunca ter discutido com o marido, mas ela garante que não perdia tempo com brigas. “Só dá trabalho para fazer as pazes depois”, diz.

Foi o companheiro farmacêutico que não deixou Chames cursar filosofia no passado. Ela trabalhou com o marido na farmácia por mais de 60 anos. “Cheguei a me matricular, mas ele me requereu em casa e larguei o curso”. Dez anos após a morte dele, Chames resolveu encarar o desafio. “Não sei se ele está muito satisfeito comigo agora”, indaga.

Visita ao fórum de Ipatinga

1 - Exemplo - Idosa se forma aos 97 anos de idade 4Na última quarta-feira, dona Chames esteve no fórum de Ipatinga para cumprir um dos últimos requisitos para a conclusão do curso. Ela acompanhou audiências e produziu relatórios. A idosa revelou que foi a primeira vez que esteve no prédio. “Não conhecia nada aqui e nem sabia como funcionava na prática, mas estou assimilando o máximo que posso”, comentou.

Das audiências da 1ª Vara de Família, a formanda destacou a satisfação provocada pelas conciliações. “Participei de audiências de divórcio e de alimentos com o juiz Carlos Roberto de Faria e achei espetacular ver os casais chegando a um acordo”, disse.

Já sobre as audiências criminais, a universitária ressaltou a capacidade que têm de entender mais a essência humana. “Nessas audiências, passamos a conhecer melhor o ser humano. Vemos além das aparências”, avaliou.

GRUPO 2 70x55Conheça o MAIOR e MELHOR grupo de estudos da internet (mais de 142.000 membros inscritos): https://www.facebook.com/groups/gabaritofinal/

Exemplo

A presença da estudante chamou a atenção dos servidores públicos. O juiz da 1ª Vara Criminal, Luiz Flávio Ferreira, comentou ter ficado surpreso com a participação de dona Chames nas audiências. “A presença dela traz motivação para todos nós. É um grande exemplo”.

1 - Exemplo - Idosa se forma aos 97 anos de idade 5Impressionado pelo interesse e curiosidade da formanda pelos fatos das audiências, o promotor de Justiça Samuel Saraiva Cavalcante elogiou a determinação da universitária. “É um grande privilégio conhecer um exemplo como a dona Chames. Não tenho dúvidas nenhuma de que ela muito ensinou e ensina a todos que conviveram com ela durante a faculdade”.

O defensor público Alexandre Heliodoro dos Santos, por sua vez, também destacou o estímulo trazido pela visita da nonagenária ao fórum. “É tocante poder presenciar essa lição viva de perseverança e determinação. Que possamos nos espelhar na dona Chames para atingirmos nossos objetivos”, exclamou.

Ela acredita que a instrução é o primeiro passo para a transformação social. “O ser humano deve aprender a distinguir entre o bem e o mal e, para isso, precisa ter acesso a uma fonte esclarecedora. Se eu puder ajudar nisso, ficarei muito feliz”, ressaltou.

VÍDEO: Veja o depoimento de Dona Chames Salles Rolim ao jornal TV Alterosa


VÍDEO: Veja o depoimento de Dona Chames Salles Rolim ao Jornal Band Minas 24/07/14

Dona Chames lembra ainda que a idade não é justificativa para deixar de aprender e diz que aqueles que usam esta “desculpa” têm preguiça de buscar conhecimento.

Fontes:
Assessoria de Comunicação Institucional - Ascom
TJMG - Unidade Goiás
euamoipatinga.com.br

Até a próxima!

EMAIL 70x56Receba DICAS, MATERIAIS, NOTÍCIAS e PROMOÇÕES em apenas um email diário! Basta informar seu email AQUI.


PALAVRA CERTA 2 - 66x66Português cai em todos os concursos! Aprenda de forma bem humorada com dicas diárias. Curta: PALAVRA CERTA
Acesse AQUI.

Adjuntos adnominais - Videoaula

Adjuntos adnominaisTodo artigo, adjetivo, locução adjetiva, pronome adjetivo e numeral exerce a função de adjunto adnominal. Os adjuntos adnominais modificam o substantivo, podendo determinar, especificar ou explicá-lo.

TJ/SP - Cai liminar. Editais saem em setembro

1 - TJSP - cai liminar e editais saem em setembro

Boa notícia para quem aguarda a publicação dos editais do concurso que será realizado pelo Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo (TJ-SP) para o cargo de escrevente técnico judiciário. De acordo com a juíza assessora da presidência do órgão, Maria Fernanda Rodovalho, o Conselho Nacional de Justiça (CNJ) indeferiu a medida liminar movida no sentido de impedir a seleção, sob a alegação de ainda existirem remanescentes aguardando convocação da seleção de 2012.

feed 70x55Saiba tudo sobre concursos públicos:
Siga-nos no TWITTER: 
Curta no FACEBOOK: 

“O concurso vai acontecer. O principal empecilho já foi superado e agora vamos concentrar esforços para definir a distribuição das vagas pelas regiões, para então podermos publicar os editais”, diz.

Segundo ela, com a retomada dos preparativos da seleção, a expectativa é de que a distribuição de vagas seja encerrada dentro de um prazo de aproximadamente 20 dias, até o início de setembro. Com isto, de acordo com a juíza, a publicação dos editais, inicialmente prevista para ocorrer em agosto, ficará para meados de setembro.

Embora o tribunal realmente conte com remanescentes do concurso anterior, a juíza adianta que nas maiores comarcas, como as de São Paulo e Santos, já não haviam aprovados para ser chamados. Desta forma, como a diretriz do órgão é não realizar mais concursos pequenos, apenas para algumas localidades, e o TJ já havia convocado aprovados em um número muito superior a oferta inicial, o CNJ acatou as argumentações do órgão, permitindo a continuidade do processo.

GRUPO 2 70x55TJSP - Grupo para compartilhar materiais e informações: www.facebook.com/groups/CONCURSO.DO.TJSP

A oferta será de aproximadamente 1.000 vagas, distribuídas pelas dez regionais administrativas do órgão. A expectativa é de que a maior parte seja para a primeira região, que engloba a capital e grande São Paulo, com aproximadamente 400 oportunidades previstas.

Para concorrer ao cargo, basta possuir ensino médio. A remuneração inicial é de R$ 4.848, incluindo salário de R$ 3.878, auxílio-saúde de R$ 200, auxílio-alimentação de R$ 29 por dia e auxílio-transporte de R$ 6 por dia, considerando 22 dias.

Estudos – Com a retomada dos preparativos para publicação dos editais, os interessados devem intensificar os estudos. Já está certo que a organizadora será a Fundação Vunesp e que serão mantidos os conteúdos programáticos dos últimos concursos para o cargo, realizados em 2012 e 2013.

Nos dois, a seleção contou com duas fases, com provas objetiva na primeira e prova prática de digitação na segunda. A parte objetiva contou com 80 questões, sobre língua portuguesa (30), conhecimentos em direito (38) e conhecimentos gerais, incluindo atualidades (4), matemática (4) e informática (4). A parte de direito contou com temas sobre direitos penal, processual penal, processual civil, constitucional, administrativo e normas da corregedoria geral da justiça.

Fonte: JC Concursos


EMAIL 70x56Receba DICAS, MATERIAIS, NOTÍCIAS e PROMOÇÕES em apenas um email diário! Basta informar seu email AQUI.

19 agosto 2014

Estudante vira gari para pagar curso e realizar o sonho de ser advogado

gari advogadoUm gari de Santos, no litoral de São Paulo, virou advogado depois de anos de estudos e contratempos para pagar a faculdade. Ele trocou o uniforme laranja e a vassoura de gari pelo terno, a gravata e a pilha de processos de um advogado. Ele saiu da rotina de limpar as ruas santistas para marcar presença nos tribunais.

17 agosto 2014

Dicas do professor Nelson França

Exemplo de tamanho - 400X300Professor de Direito Constitucional e Direito Administrativo há mais de 11 anos, Nelson França traz para os leitores do Gabarito Final dicas e entrevistas essenciais para uma rápida aprovação em provas de concurso público. Confira.

16 agosto 2014

TJ/RJ: Desembargadora confirma edital e mudanças no programa

1 - TJRJ -Desembargadora confirma edital e mudanças no programa 400x300

O Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro (TJ-RJ) já está concluindo alguns detalhes importantes do edital do concurso para técnico de atividade judiciária, função de nível médio e ganhos de R$ 4.478,13, e de analista judiciário, cargo de nível superior, cuja remuneração é de R$ 6.754,26 (ambos os valores já incluem R$ 960,00 de vale-refeição).

 

feed 70x55Saiba tudo sobre concursos públicos:
Siga-nos no TWITTER: 
Curta no FACEBOOK: 

A expectativa é de que, a qualquer momento, o órgão nomeie a comissão para cuidar do concurso. Tão logo sejam designados os membros da comissão, outras especificidades do edital também seja anunciadas, tais como a oferta de vagas, a organizadora do concurso e as especialidades que serão oferecidas para analista judiciário.

Mas, algumas novidades já foram confirmadas. Além das atrativas remunerações, a conquista de uma vaga no TJ-RJ garante benefícios auxílio-creche, de R$ 874,75, auxílio–locomoção, de R$ 10,50 por dia, e plano de saúde e dentário (Amil Blue IV). As contratações ocorrerão pelo regime estatutário.

Em declaração enviada à FOLHA DIRIGIDA nesta quarta, dia 13, a desembargadora Leila Mariano, presidente do TJ-RJ, confirmou a realização deste novo concurso para provimento de cargos efetivos. Segundo ela, o edital estará pronto ainda em 2014. "A fim de permitir que os futuros candidatos comecem seus estudos, além das matérias constantes dos últimos editais de 2012, fará parte do conteúdo programático a disciplina de Raciocínio Lógico.

GRUPO 2 70x55TJRJ - Grupo para compartilhar materiais e informações: https://www.facebook.com/groups/grupo.TJRJ/

Também terá destaque no conteúdo do próximo edital a Legislação que versa sobre custas judiciais", afirmou. "Além das pessoas com deficiência, os inscritos como negros e índios também terão vagas reservadas, em cumprimento à Lei Estadual 6.740/2014, na forma a ser regulamentada no edital", complementou a desembargadora.

Incertezas - Pairam dúvidas sobre os requisitos (formações de graduados) necessários para os cargos de analista, com e sem especialidade. No primeiro caso, ainda não houve definição das áreas que serão contempladas, mas é provável que sejam oferecidas as mesas especialidades do concurso anterior, realizado em 2012, quando foram selecionados psicólogos, bibliotecários, contadores, médicos, assistentes sociais, analistas de sistemas, comunicadores sociais, executores de mandados (Direito) e comissários da infância, juventude e do idoso (Direito, Administração, Pedagogia, Psicologia ou Serviço Social).

Os cargos (ou parte deles) poderão ser novamente abertos na nova seleção. Já em relação ao cargo de analista judiciário sem especialidade, que no concurso anterior exigiu nível superior, deverá ser restrito, nesta nova seleção, aos bacharéis em Direito, Administração, Contabilidade ou Economia, conforme Resolução 14/2013 do TJ-RJ. No entanto, questionada sobre essa mudança, a Assessoria de Imprensa do tribunal disse que ainda não há nada definido.

PALAVRA CERTA 2 - 66x66Português cai em todos os concursos! Aprenda de forma bem humorada com dicas diárias. Curta: PALAVRA CERTA
Acesse AQUI.

Provas - Com a divulgação do edital programada para novembro, é certo que as provas do concurso só deverão acontecer no ano que vem, possivelmente em janeiro ou fevereiro. Apesar do bom tempo de estudo os candidatos devem intensificar a preparação (baseando-se nos últimos editais), pois a concorrência promete ser grande.

Em 2012, a Fundação Carlos Chagas (FCC) cobrou 30 questões objetivas de Português, 15 de Direito Processual Penal, 15 de Direito Processual Civil, 15 de Legislação, cinco de Informática, cinco de Noções de Direito Administrativo e cinco de Noções de Direito Constitucional. Para analista sem especialidade foram exigidas 90 questões e, para os analistas com especialidade, 70.

Para este novo concurso, o TJ-RJ já informou que haverá uma cobrança mais acentuada da disciplina de Informática e que deverá ocorrer a inclusão de Raciocínio Lógico. É possível também que seja cobrado o novo Código de Organização e Divisão Judiciárias do Estado do Rio de Janeiro (Codjerj), tendo em vista que um projeto de lei, alterando a lei, será votado na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj) em regime de urgência, tão logo seja aprovado pelos desembargadores do TJ.

Folha Dirigida


EMAIL 70x56Receba DICAS, MATERIAIS, NOTÍCIAS e PROMOÇÕES em apenas um email diário! Basta informar seu email AQUI.